catálogo virtual

Login | Minha conta

Previous
Next

Intelectuais da modernização: Biografia dos 26 signatários do manifesto dos pioneiros da educação nova de 1932

Intelectuais da modernização: Biografia dos 26 signatários do manifesto dos pioneiros da educação nova de 1932

Este livro traz uma coletânea de histórias biográficas dos intelectuais brasileiros signatários do Manifesto dos Pioneiros da Escola Nova, de 1932, desvelando os nexos sociais, políticos e culturais das ideias que formularam e dos espaços institucionais que recepcionaram e fizeram circular suas proposições.

ISBN 978-65-5861-367-1 Categorias , Tags , , , ,

  • Editora: Brazil Publishing
  • Idioma: Português
  • Ano: 2021
  • Tamanho: 16x23 cm
  • Páginas: 424
  • ISBN: 978-65-5861-367-1
  • DOI: 10.31012/978-65-5861-370-1
  • Peso:
  • Encadernação: Brochura
  • Edição:
  • NCM:

Preço de capa: A partir de R$20,00

Autor(es):

Organizador(es):

Descrição

Este livro traz uma coletânea de histórias biográficas dos intelectuais brasileiros signatários do Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova, de 1932, desvelando os nexos sociais, políticos e culturais das ideias que formularam e dos espaços institucionais que recepcionaram e fizeram circular suas proposições.

O propósito foi reunir, em um único compêndio, histórias biográficas de todos os signatários do referido Manifesto, abandonando a tradição historiográfica que privilegia alguns desses intelectuais e deixa boa parte deles à margem da escrita da história. O fato de os intelectuais aqui biografados não terem uma posição política homogênea, pertencerem a diferentes regiões do país, terem formação acadêmica diversificada e exercerem diferentes atividades profissionais, aliadas à função docente, permitiu acrescentar, ao já sabido, novas informações sobre um dos mais importantes movimentos pela qualificação da escola pública brasileira, o “Movimento pela Escola Nova”, como nomeado por seus propositores.

Diante da diversidade identitária do grupo de intelectuais signatários do Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova, de 1932, um aspecto unificou seus componentes, ficando evidenciado, na escrita dos capítulos desta coletânea, que todos os signatários do Manifesto de 1932 foram intelectuais que marcaram presença no campo educacional, defendendo a modernização da escola e da sociedade brasileira.

Robótica Educacional e o ensino de Matemática

Robótica Educacional e o ensino de Matemática

O livro apresenta um experimento de ensino, a partir do uso do recurso robótica para o ensino da Matemática, discutindo a importância da tecnologia e sua contribuição para educação, o papel desempenhado pelo professor ao utilizar esses recursos em sala de aula e visão dos alunos para o uso desse recurso.

  • Editora: Brazil Publishing
  • Idioma: Português
  • Ano: 2021
  • Tamanho: 14x21 cm
  • Páginas: 186
  • ISBN: 978-65-5861-395-4
  • DOI: 10.31012/978-65-5861-407-4
  • Peso:
  • Encadernação: Brochura
  • Edição:
  • NCM:

Preço de capa: R$72,00

Autor(es):

Organizador(es):

Descrição

As tecnologias são recursos alternativos fundamentais na sala de aula. Em relação ao ensino da Matemática, a Robótica Educacional poderá contribuir para o desenvolvimento de aprendizagens e habilidades, no qual o uso de tecnologias na educação – como um recurso importante no desenvolvimento educacional – se revela cada vez mais permanente e presente em nossos ambientes de ensino. Este livro traz as discussões e reflexões sobre um experimento de ensino, com base no uso da Robótica para o ensino da Matemática, mostrando a importância das tecnologias e sua contribuição para a educação. O desenvolvimento desta proposta foi organizado em função de um conjunto de atividades, por meio de experimentações da Robótica Educacional, realizadas no laboratório de informática de uma escola municipal, com alunos do 7º ano do Ensino Fundamental, na cidade de Santarém, estado do Pará. Os resultados obtidos mostraram que o desenvolvimento do conhecimento das áreas tecnológicas incentiva aos alunos o aprendizado e colabora para o interesse destes, proporcionando momentos de significativa aprendizagem dentro da disciplina de Matemática. Com isso, o uso da Robótica Educacional na prática pedagógica resultou na participação, no desenvolvimento do pensamento crítico e no aprendizado dos alunos, assim como contribuiu para o debate envolvendo discussões sobre a interdisciplinaridade entre diferentes áreas de conhecimento, tais como a Educação, Matemática e a Informática.

Nacionalismo somali: Nação e propaganda política durante o regime militar

Nacionalismo somali: Nação e propaganda política durante o regime militar

A obra analisa cartazes de propaganda política produzidos pelo regime militar em um período de implantação do socialismo na Somália. Em um diálogo com a historiografia, a pesquisa versa sobre o contexto local na década de 1970 e os impactos que a Guerra Fria teve na região do Chifre da África.

ISBN 978-65-5861-257-5 Categorias , Tags , , ,

  • Editora: Brazil Publishing
  • Idioma: Português
  • Ano: 2020
  • Tamanho: 14x21 cm
  • Páginas: 276
  • ISBN: 978-65-5861-257-5
  • DOI: 10.31012/978-65-5861-246-9
  • Peso:
  • Encadernação: Brochura
  • Edição:
  • NCM:

Preço de capa: A partir de R$41,00

Autor(es):

Organizador(es):

Descrição

É ótimo ler jovens profissionais escrevendo sobre temas tão candentes e difíceis. Tal circunstância se dá, especialmente, quando esses investigadores enfrentam as enormes dificuldades que se antepõem a quem busca uma “visão local” de processos africanos, conforme a autora afirma o tempo todo, inclusive na conclusão do trabalho. O leitor se depara com uma abordagem sintética acerca das mazelas do autoritarismo, do colonialismo e da violenta proliferação de conflitos nas situações de pós-independência, fenômeno conhecido na história não só da América Latina, como também na dos Estados Unidos. Chama muito a atenção a discussão realizada a respeito de posturas etnocêntricas e inadequadas a respeito da ideia de nação (elas, no fundo, são ou ingênuas, ou maldosas). É triste que essas concepções tenham sido formuladas em relação à África Subsaariana, mas elas são bem criticadas no livro que o leitor passa a ter em mãos. É imenso o contraste que se nota comparando as enormes dificuldades da construção de um mundo novo no continente africano e o fato de que só se pode considerar que um mundo novo se estabelece entre nós quando pesquisadores jovens enfrentam tudo isso.

Prof. Dr. Carlos Alberto Lima, Departamento de História da Universidade Federal do Paraná.

O projeto desenvolvimentista diante da pandemia da covid-19

O projeto desenvolvimentista diante da pandemia da covid-19

O livro tem por finalidade analisar como os múltiplos impactos da pandemia da covid-19 afetaram o desenvolvimento no Brasil. Parte-se do pressuposto de que o caos pandêmico trouxe mudanças em vários aspectos da vida social, sendo necessário promover a reestruturação das instituições para construir uma nação mais igualitária e inclusiva. Diante disso, intentou-se soerguer debates que estão voltados às áreas afeitas ao desenvolvimento social, a saber: contratações públicas; tributação; regulação do sistema financeiro; crise do Estado Social; atuação jurisdicional na pandemia do novo coronavírus e outros.

  • Editora: Brazil Publishing
  • Idioma: Português
  • Ano: 2021
  • Tamanho: 16x23 cm
  • Páginas: 324
  • ISBN: 978-65-5861-450-0
  • DOI: 10.31012/978-65-5861-449-4
  • Peso:
  • Encadernação: Brochura
  • Edição:
  • NCM:

Preço de capa: A partir de R$20,00

Autor(es):

Organizador(es):

Descrição

Os artigos que compõem esta obra foram produzidos por alunos e professores do PPGD-UFPE, a partir das discussões entabuladas no decorrer dos seminários realizados pelo grupo de pesquisa “Direito e Desenvolvimento”, durante o período de isolamento social. A miscelânea das áreas de pesquisa dos autores conferiu um tom interdisciplinar ao presente livro, que passeia por variados nichos do saber, mas que em nenhum ponto descurou de apontar para o norte estabelecido previamente. A obra que temos o prazer de apresentar aos leitores permite uma análise dos temas mais candentes que foram postos em evidência no contexto pandêmico e espera-se que as ideias aqui alinhavadas estimulem o debate, para que os luminares que emergiram durante a pandemia da covid-19 possam contribuir com a construção de soluções vindouras, notadamente no que tange às temáticas afeitas ao desenvolvimento social.

O verdadeiro impacto das aceleradoras nas startups

O verdadeiro impacto das aceleradoras nas startups

Este livro demonstra a criação de um índice de medição de desempenho de Startups (IDS), levanta as características que influenciam no seu desempenho e por fim, analisa se empresas que passam pelo processo de aceleração possuem desempenho melhor do que as que não passam.

  • Editora: Brazil Publishing
  • Idioma: Português
  • Ano: 2021
  • Tamanho: 14x21 cm
  • Páginas: 220
  • ISBN: 978-65-5861-433-3
  • DOI: 10.31012/978-65-5861-432-6
  • Peso:
  • Encadernação: Brochura
  • Edição:
  • NCM:

Preço de capa: A partir de R$20,00

Autor(es):

Organizador(es):

Descrição

Este livro traz informações sobre características que influenciam o desempenho de uma startup, inclusive analisar se empresas que passam pelo processo de aceleração possuem desempenho melhor do que as que não passam. Explorou-se a ideia de como medir o desempenho de uma empresa, por meio dos aspectos cognitivos, em relação aos indicadores de desempenho de startups que passaram ou não pelo processo de aceleração.

Investigou se as empresas, quando passam por programas de aceleração, são capazes de apresentar melhor desempenho, quando comparadas às empresas do mesmo ramo que não usufruíram das mesmas iniciativas.

Foi desenvolvido um índice de medição de desempenho de startups – IDS, para fins de comparação entre as empresas que foram aceleradas e as que não foram.

O presente trabalho foi executado entre os anos de 2014 a 2019 e baseou-se no cenário/ecossistema de startups e aceleradoras do Brasil, trazendo uma contextualização dos métodos utilizados pelas aceleradoras, dentro de um contexto mundial,
nacional, regional e local.

O parque de Ibirapuera e a construção da imagem de um Brasil moderno

O parque de Ibirapuera e a construção da imagem de um Brasil moderno

Este livro busca compreender o projeto de paulistaneidade e de nação que incitou a construção do Parque Ibirapuera por meio de uma análise histórica e iconográfica. As imagens analisadas desempenharam papel relevante na produção de sentido estético e político, relacionados a noções de modernidade e de progresso, e do desejo de transformar a paisagem urbana de São Paulo e do Brasil em meados do século XX.

  • Editora: Brazil Publishing
  • Idioma: Português
  • Ano: 2021
  • Tamanho: 16x23 cm
  • Páginas: 266
  • ISBN: 978-65-5861-368-8
  • DOI: 10.31012/978-65-5861-366-4
  • Peso:
  • Encadernação: Brochura
  • Edição:
  • NCM:

Preço de capa: R$62,00

Autor(es):

Organizador(es):

Descrição

O Parque Ibirapuera e a construção da imagem de um Brasil moderno trata das imagens do parque metropolitano, privilegiando uma perspectiva histórica e, sobretudo, fontes fotográficas, já que a reprodutibilidade técnica desse meio auxiliou a divulgação e criação de determinado imaginário a respeito da obra, da cidade de São Paulo, e até mesmo do Brasil. O livro busca compreender o projeto de paulistaneidade e de nação que incitou a construção desse parque-monumento em circunstâncias socioeconômicas nacionais ainda periféricas, apesar do desenvolvimento de São Paulo na época. A autora se debruça sobre como os símbolos arquitetônicos, urbanísticos e principalmente fotográficos do Parque Ibirapuera ajudaram a produzir sentido estético e político relacionados a noções de modernidade e de progresso, almejando a transformar a paisagem urbana de São Paulo e do Brasil em meados do século XX.

Guia prático do artigo científico

Guia prático do artigo científico

Atualmente, a publicação de um artigo científico é essencial para várias situações. Assim, este guia foi escrito de uma forma descontraída e informal, com muito conteúdo e recursos visuais para que se conecte melhor com você, aluno, e torne a tarefa da publicação do artigo prazerosa e gratificante.

ISBN 978-65-5861-374-9 Categorias , Tags ,

  • Editora: Brazil Publishing
  • Idioma: Português
  • Ano: 2021
  • Tamanho: 26x21 cm
  • Páginas: 142
  • ISBN: 978-65-5861-374-9
  • DOI: 10.31012/978-65-5861-375-6
  • Peso:
  • Encadernação: Brochura
  • Edição:
  • NCM:

Preço de capa: A partir de R$20,00

Autor(es):

Organizador(es):

Descrição

A publicação de um artigo científico não é uma tarefa simples. Ela começa com a organização das ideias, passa pela redação do manuscrito e é finalizada com o aceite do artigo, e não com a sua submissão. Após o aceite, o artigo ainda pode levar um bom tempo para ser publicado. Atualmente, os programas de pós-graduação e/ou as agências de fomento que concedem bolsas de estudo exigem submissão e/ou publicação de artigos científicos como condição para apresentação da dissertação de mestrado, para defesa da tese de doutorado e para continuidade da bolsa. Outros programas exigem artigos já publicados para a entrada do aluno nos cursos de mestrado e doutorado.  No entanto, você não faz ideia de como redigir um artigo? Acalme-se! Não se desespere! Esta obra foi pensada exatamente com o objetivo de auxiliar, de uma forma descontraída e informal, porém com muito conteúdo, esse caminho entre a redação do manuscrito e a publicação do artigo. Toda a experiência dos autores está aqui compartilhada, com dicas e orientações, para poupá-lo de erros frequentes e direcioná-lo ao caminho mais rápido e assertivo. A publicação do artigo, como consequência da sua pesquisa, é fundamental para a consolidação do seu estudo e para a promoção da ciência. Trata-se de grande responsabilidade, que deve ser encarada como tal. Publicar o seu artigo não será fácil, mas pode ser mais prazeroso e menos complicado se você seguir conosco na construção e no refinamento do seu trabalho.

Indutores de políticas, programas e práticas socioambientais: análise das distribuidoras de energia elétrica do sul do Brasil

Indutores de políticas, programas e práticas socioambientais: análise das distribuidoras de energia elétrica do sul do Brasil

  • Editora: Brazil Publishing
  • Idioma: Português
  • Ano: 2021
  • Tamanho: 14x21 cm
  • Páginas: 254
  • ISBN: 978-65-5861-419-7
  • DOI: 10.31012/978-65-5861-420-3
  • Peso:
  • Encadernação: Brochura
  • Edição:
  • NCM:

Preço de capa: R$79,00

Autor(es):

Organizador(es):

Descrição

Este estudo investiga determinantes de práticas socioambientais, obrigatórias e voluntárias, evidenciadas em empresas distribuidoras de energia elétrica do sul do Brasil. Procura compreender esse fenômeno com amparo interdisciplinar mediante construtos teóricos da Responsabilidade Social, Gestão Ambiental, Evidenciação, Legitimidade, Reputação e Institucional. Essa integração contribui para compreender as razões pelas quais as empresas empreendem e evidenciam suas práticas socioambientais ao público externo. A literatura sugere que práticas socioambientais são explicadas por vários motivos, tais como: cunho forçado mediante imposições legais e/ou por voluntariedade, com objetivo de fortalecer legitimidade, manter e desenvolver reputação, e por isomorfismo do ambiente operacional de competição. Ante o exposto, o objetivo deste trabalho é investigar fatores que determinam a evidenciação de práticas socioambientais, em empresas distribuidoras de energia elétrica do sul do Brasil. Nos aspectos metodológicos, empregou-se abordagem qualitativa, com objetivos descritivos e exploratórios. Como estratégia de pesquisa se aplicou um estudo multicasos por meio de duas empresas distribuidoras de energia de elétrica do sul do país, CELESC Distribuição S.A (Centrais Elétricas de Santa Catarina) e COPEL Distribuição S.A. (Companhia Paranaense de Energia).  A coleta de dados se deu em duas etapas, sendo a primeira com a busca em base documental, física e virtual, e a segunda etapa por meio de uma entrevista semiestruturada realizada com profissionais da área de Reponsabilidade Socioambiental de cada uma das empresas pesquisadas. As informações pesquisadas foram relativas ao período de 2014, 2015 e 2016. Os resultados encontrados evidenciaram que os Relatórios Anuais, os postos de atendimento e a participação em eventos externos, se constituem nos principais meios e canais de evidenciação de práticas socioambientais. Observou-se uma tendência maior para o desenvolvimento de práticas sociais, contudo existem programas voltados para as mudanças climáticas, consumo consciente e economia de energia elétrica, inclusão social, resgate da cidadania e qualidade de vida das pessoas. A empresa COPEL apresentou uma tendência a evidenciar práticas voluntárias com mais intensidade, demonstrando também, consistência e manutenção dos programas durante o período estudado. A respeito das políticas corporativas e de sustentabilidade, percebeu-se que as empresas adotam estratégias bastante parecidas. Conclui-se que a idade, o tamanho e reputação corporativa das empresas são os principais determinantes de práticas socioambientais, salientando a presença do isomorfismo mimético caracterizado pelo uso dos mesmos tipos de meios e canais de evidenciação e pela simetria das práticas e políticas desenvolvidas pelas empresas CELESC e COPEL.

Depressão, em busca da libertação - Um estudo sobre a cura sem medicamentos

Depressão, em busca da libertação - Um estudo sobre a cura sem medicamentos

Esta obra tem como objetivo fomentar a discussão a respeito da existência de técnicas e mecanismos para controlar ou até mesmo “curar” a depressão feminina, sem recorrer a medicamentos alopáticos, por meio da apresentação de estudos científicos revolucionários sobre a depressão, suas formas e causas, sensibilidade emocional, pensamento acelerado, crenças e armadilhas mentais, em mulheres de qualquer origem racial ou étnica, à luz da física quântica.

ISBN 978-65-5861-423-4 Assunto Tags ,

  • Editora: Brazil Publishing
  • Idioma: Português
  • Ano: 2021
  • Tamanho: 14x21 cm
  • Páginas: 100
  • ISBN: 978-65-5861-423-4
  • DOI: 10.31012/978-65-5861-424-1
  • Peso:
  • Encadernação: Brochura
  • Edição:
  • NCM:

Preço de capa: R$35,00

Autor(es):

Organizador(es):

Descrição

Amo ir à praia, ficar horas olhando e ouvindo o som do mar. Lembro-me nitidamente de quando estava passando por uma depressão profunda, e em um momento, em frente ao mar, não conseguia sentir nenhuma felicidade, nem empolgação, nem paz, nem nada. Sentia apenas uma angústia profunda, um pesar, uma dor que não sabia nem explicar como era. Minha vida estava perfeita: negócios a mil, prosperidade financeira, havia acabado de comprar uma casa nova do jeito que sempre sonhei, mas a única coisa que eu conseguia pensar naquele momento era: nunca mais conseguirei ser feliz? Nunca mais essa sensação vai passar? Era como um grito que ecoava em minha alma, mas ninguém podia ouvir, nem mesmo eu.

Por trás daquele olhar triste, havia uma dor desesperadora que parecia não ter fim, e a única coisa que uma pessoa deprimida deseja é um fim para esse sofrimento, e a única coisa que a pessoa deprimida deseja é colocar um fim nesse sofrimento, seja ele como for, nem que para isso custe sua própria vida.

A grande verdade é que a depressão paralisa, porque é exatamente isso que precisa ser feito: parar!

A forma como se está vivendo não se sustenta mais. Não dá mais certo a forma como se encara a vida, como se alimenta, os exercícios físicos que ignora, a inteligência emocional que não desenvolve, as emoções com as quais não se aprende a lidar, os traumas que não consegue superar, o momento presente que não consegue viver e a gratidão que não consegue exercitar em todas as situações. É preciso mudar de vida e, quando a pessoa não consegue fazer isso de forma espontânea, a depressão aparece com o papel fundamental de fazê-la mudar.

(E-Book) Educação, cultura e diversidade: Estudos comparados e perspectivas

(E-Book) Educação, cultura e diversidade: Estudos comparados e perspectivas

Diversidade, cultura e educação, é uma coletânea organizada com textos de pesquisadores de diferentes países e instituições, nucleados pelo propósito de apresentar temáticas que explicitem a cultura, a diversidade e os processos formativos próprios de comunidades tradicionais e de sociedades mercantis urbanizadas.

  • Editora: Brazil Publishing
  • Idioma: Português
  • Ano: 2021
  • Tamanho: 11 MB
  • Páginas: 329
  • ISBN:
  • DOI: 10.31012/978-65-5861-435-7
  • Peso:
  • Encadernação: Brochura
  • Edição:
  • NCM:

Preço de capa: R$20,00

Autor(es):

Organizador(es):

Descrição

Conhecer a diversidade cultural é revelar as diferentes formas de organização social para extrair das sociedades tradicionais os modos próprios da vida em comunidade, mas é também destrinçar o jogo político das relações sociais que, nas sociedades mercantilizadas e urbanizadas, tornam diferenciada a distribuição de bens econômicos e culturais e estabelecem as hierarquias estruturantes da diversidade cultural transformada em diferença e desigualdade social. Essa diversidade cultural se amplia quando analisada em âmbito internacional e faz aflorar as inúmeras redes comunicacionais que as comunidades locais e as sociedades nacionais vão tecendo para promover as relações sociais, ao mesmo tempo em que revelam as contradições e os conflitos decorrentes deste processo. Este é o propósito desta coletânea que traz textos de pesquisadores de diferentes países e instituições e que no conjunto fornece elementos para ampliar o debate e o escopo investigativo sobre as relações entre diversidade, cultura e educação.

(E-Book) História da Educação: Políticas, instituições e instâncias educativas – Vol. 2

Descrição

Esta coletânea reúne os resultados de trabalhos acadêmicos da Linha História da Educação concluídos no período de 2016 a 2020, no Programa de Pós-Graduação em Educação da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais. Organizado em dois volumes, este segundo é composto por 21 capítulos que analisam, sob diferentes abordagens, a educação em perspectiva histórica, em periodizações que englobam o século XVIII ao XXI. Na primeira parte da obra, os estudos analisam as políticas educacionais nas dimensões do planejamento, implementação e reformas, indicando os desafios e percalços no processo de escolarização, de constituição de disciplinas e de desenvolvimento de sistemas educacionais nos diferentes níveis de ensino; analisam ainda a institucionalização de cursos e a formação de professores/as. A segunda parte do livro é composta por pesquisas que discutem a educação no sentido ampliado, dando destaque a processos que ocorrem em outros espaços formativos, como associações e clubes, corporações militares, estabelecimentos de natureza religiosa, e veículos como os impressos e a rádio. O conjunto dos trabalhos possuem a marca da interdisciplinaridade, resultante do diálogo de farta e diversificada documentação e referenciais teóricos igualmente diversos.

Guia ilustrativo de sinais em Libras para o ensino de Biologia

Guia ilustrativo de sinais em Libras para o ensino de Biologia

O Ensino de Ciências e Biologia com as Mãos: guia ilustrado de sinais, foi elaborado para facilitar a aprendizagem do aluno surdo, e proporcionar o ensino e aprendizagem de qualidade e de fato Bilíngue que favoreça alfabetização cientifica dos alunos surdos e também facilitar a comunicação entre aluno e interprete.

  • Editora: Brazil Publishing
  • Idioma: Português
  • Ano: 2021
  • Tamanho: 16x23 cm
  • Páginas: 298
  • ISBN: 978-65-5016-358-7
  • DOI: 10.31012/978-65-5016-357-0
  • Peso:
  • Encadernação: Brochura
  • Edição:
  • NCM:

Preço de capa: Gratuito

Autor(es):

Organizador(es):

Descrição

A utilização da Libras (Língua Brasileira de Sinais) durante as aulas, auxilia na aprendizagem dos alunos surdos. Com isso, percebeu-se que as intérpretes enfrentavam dificuldades nas aulas de biologia, devido à falta do sinal de vários conceitos. A criação dos sinais proporciona de fato um ensino pautado em práticas Bilíngue, Libras e Língua Portuguesa, contribuindo para a melhora no ensino dos surdos. Desta forma, criou-se um manual que está estruturado com a imagem que ilustra o termo, seguida de seu nome, do alfabeto manual que descreve a palavra, o conceito e os sinais adaptados e criados pelas autoras. Definiu-se para o referido estudo, todos os termos de Biologia, sendo eles: Genética, Biologia Celular, Botânica, Zoologia, Embriologia e Histologia, Sistemas, Fungos, Algas, Protozoários, Bactérias, Evolução e Ecologia. Esse é um material que temos a intenção que sirva de suporte nas aulas de Biologia facilitando o próprio aprendizado de outros alunos e assessorando os docentes tanto da rede pública quanto privada de ensino. É um material que criamos com o objetivo de divulgá-lo, pois servirá como apoio aos nossos intérpretes, professores e aos próprios alunos. Conclui-se que a criação e elaboração de novos sinais em Libras facilitará a comunicação entre o professor, o intérprete e o aluno e, com isso, simplifica o processo de ensino-aprendizagem.

Mais do que livros,

publicamos reconhecimento.

0 +
Lançamentos
0 +
Autores
0 +
Temas
0 +
Parcerias

Siga-nos nas redes sociais:

2020 Brazil Publishing -Todos os direitos reservados.

×
×

Carrinho

Close Panel