PortugueseEnglishSpanishFrench

Diversidade religiosa & história

A partir de R$20,00

Essa coletânea é resultado do esforço de nosso grupo de pesquisa História das Crenças e das Ideias Religiosas (HCIR/CNPQ/UEM). Nesta obra, vocês encontrarão inúmeras pesquisas que abordam fenômenos religiosos, a diversidade religiosa e a história, realizadas por estudantes da pós-graduação e por professores/as universitários.

Limpar

informações adicionais

Autor(es) Relacionado(s):

Organizador(es):

EDITORA

Brazil Publishing

LINGUAGEM

Português

ANO

2021

PÁGINAS

384

TAMANHO

15,5x23cm

ISBN - LIVRO DIGITAL

978-65-5861-621-4

DOI

10.31012/978-65-5861-621-4

Descrição

O nosso convite é para que, durante a leitura desta coletânea, você possa se aventurar e conhecer um pouquinho mais da complexidade do estudo das crenças, das religiões e religiosidades que permeiam o nosso cotidiano. As contribuições perpassam as práticas afro-brasileiras e os discursos de intelectuais como João do Rio e Nina Rodrigues, tratam da presença umbandista em Uberlândia-MG; das representações históricas de Exu em narrativas literárias e das espacialidades do Catimbó-Jurema. Em seguida atenta-se ao espiritismo, seu processo de judicialização na Primeira República brasileira e as discussões conduzidas na Itália por Cesare Lombroso. Os hibridismos religiosos ganham força na análise do documentário Santo Forte, e nos estudos da devoção a Carlindo Dantas, na cidade de Caicó – RN e nas tragédias de Donária e Maria na cidade de Pompal, no Sertão Paraibano. O catolicismo é pensado a partir do bispo D. José Afonso, do Pará, e seu Ultramontanismo e do evento de música católico, o Hallel, em Maringá-PR. São apresentadas considerações sobre o Pânico Satânico nos EUA; a operacionalização de casos judiciais e sua relação com a religião no Brasil e como a linguagem presente em uma narrativa mítica enuncia um veículo mágico da poética medieval. Por fim, é apresentado um mapeamento da historiografia sobre o budismo japonês no Brasil. Neste momento, convidamos vocês a partirem nesta jornada pelos saberes que tangenciam as diversidades religiosas e as histórias. Almejamos que as discussões despertem para mundos plurais em que o respeito e os saberes se encontrem na complexidade da vivência humana.