(E-Book) Interfaces biodiversidade, ambiente e saúde

Gratuito

 

Analisar a situação de saúde de um local permite avaliar o panorama da saúde para além do processo de saúde-doença e assistência, mas permite analisar enfoques que permeiam os aspectos sociais, ambientais em que uma população esteja inserida, possibilitando a consolidação de  informações validas com a finalidade de informar a decisão em saúde pública.

Essa obra apresenta 8  capítulos que apresentam a consolidação dos resultados de estudos sobre  a analise de aspectos sociodemográficos, sanitário, ambientais e de saúde, resíduos sólidos, impactos ambientais na qualidade da água, perfil clínico, epidemiológico e ambiental dos acidentes ofídicos e conhecimentos sobre hanseníase.

  • Editora: Brazil Publishing
  • Idioma: Português
  • Ano: 2020
  • Tamanho: 5.983 KB
  • Páginas: 159
  • ISBN: 978-65-87836-34-8
  • eISBN: 978-65-87836-34-8
  • DOI: 10.31012/978-65-87836-34-8

Autor(es):

Organizador(es):

Descrição

Neste livro, é observado práticas de compartilhamento de processos de investigação acerca de objetos conexos, produzindo resultados que fortalecem a compreensão das relações entre o ambiente e a saúde. Essa concepção de interdisciplinaridade vem sendo construída, a partir de todas as disciplinas ofertadas no programa, e nesta resultou neste produto, que fornece informações que poderão subsidiar tomadas de decisões pertinentes à saúde do ambiente e consequentemente a melhoria da qualidade de vida. As interfaces e conexidades entre os temas abordados mostram que a relação entre biodiversidade, ambiente e saúde são conexos, e como consequência este livro traz contribuições para as áreas da saúde e da biologia, contextualizando estudos que podem produzir subsídios para as políticas públicas de saúde e de meio ambiente. Esta obra entre outras ações do programa evidencia a formação qualificada dos profissionais em nível de pós-graduação, habilitados para o ensino e a pesquisa, comprometidos com uma visão interdisciplinar e com os processos de melhoria dos índices de desenvolvimento humano da região, pois estes estão envolvidos com a realidade do município e da região por meio de ações que atingem os segmentos mais vulneráveis da população em termos de condições de vida e de saúde.