Pesquisas sobre Currículos e Culturas: tensões, movimentos e criações

R$89,00

Este livro, que comemora 18 anos do GECC – Grupo de Estudos e Pesquisas sobre Currículos e Culturas da UFMG –, divulga resultados de pesquisas inéditas sobre currículos e culturas realizadas em universidades públicas brasileiras, demarcando o engajamento de pesquisadores/as na luta por publicizar os estudos que produzem, alimentam e debatem, mesmo em tempos tão difíceis e conflituosos, política e socialmente. Tempos em que esses temas são controlados de diferentes formas, fazendo-se necessário que renovemos nossos compromissos com a ciência, com os currículos construídos no cotidiano das escolas e universidades, com a educação pública e de qualidade, com a sociedade na qual estamos inseridos/as e que desejamos ver avançar nas conquistas de liberdade de pensamento, de valorização e multiplicação da diferença, de ensino gratuito com excelência para todos/as, de justiça social e de dignidade humana.

Limpar

  • Editora: Brazil Publishing
  • Idioma: Português
  • Ano: 2020
  • Tamanho: 16x23 cm
  • Páginas: 502
  • ISBN: 978-65-87836-60-7
  • eISBN: 978-65-87836-56-0
  • DOI: 10.31012/978-65-87836-56-0

Autor(es):

Organizador(es):

Descrição

O campo curricular nunca mais foi o mesmo depois que as teorias pós-críticas lhe provocaram abertura. Desde então, tal como ocorreu com Pandora, que não resistiu à própria curiosidade, o campo do currículo tem agitado sua existência quando se olha para seus feitos. Magia… Este livro é uma caixa confeccionada do encontro entre currículos e culturas. Mas não se apresse em fechar a caixa! Para sentir o que de melhor está guardado aqui, você precisa abrir e ver a mágica acontecendo nas composições entre currículos, culturas, territórios, saberes, conhecimentos, articulações, pactos, bases, práticas pedagógicas, práticas de atenção, práticas de diagnóstico, disciplinamentos, correções, compensações, ideologizações, pressão política, ofensivas antigênero,  antifeminismo de Estado, dissimulações, silêncios, infâmia, confissões, ruídos, rituais, monstruosidades, dissidências, resistências, pequenas revoluções, desejos, encontros, criação, acontecimentalizações, experimentações, performances, artivismos, desativações. Impulsos, nomadismos, devires. Bem melhor, mais prazer, mais excitação. Espetáculo! Feito para ativar pensamentos, este livro é uma caixa-mágica que faz ver movimentos, práticas, relações de poder, normalizações, posicionamentos, discursos, produção de verdades, tecnologias, modos de existências, micropolíticas, potências, invenções, devires. Trata das formas e forças que atormentam nossos tempos, mas também do ir além, desejar, fazer proliferar diferenças. Trata-se de sentires, aprenderes, dançares…com currículos e culturas. Trata-se de possibilidades e de hospitalidades. Um signo de amor.