Plantas daninhas resistentes ao Glyphosate no brasil: biologia, mecanismo de resistência e manejo

A partir de R$36,00

Este livro fornece assuntos essenciais e atualizados de informações referentes às características gerais do glyphosate e das dez plantas daninhas resistentes ao herbicida no Brasil, e é destinado para professores, pesquisadores, extensionistas, estudantes de graduação e pós-graduação, produtores rurais e demais profissionais envolvidos na área da ciência das plantas daninhas.

Limpar

  • Editora: Brazil Publishing
  • Idioma: Português
  • Ano: 2020
  • Tamanho: 16x23 cm
  • Páginas: 266
  • ISBN: 978-65-87836-48-5
  • eISBN: 978-65-87836-49-2
  • DOI: 10.31012/978-65-87836-49-2

Autor(es):

Organizador(es):

Descrição

A tecnologia disponível no mercado de culturas resistentes ao glyphosate revolucionou a
produção agrícola no Brasil e no mundo. E com o intuito de sustentar um herbicida eficaz e
ambientalmente seguro, como o glyphosate e a tecnologia de culturas resistentes à este
produto no futuro, é fundamental que o manejo das plantas daninhas seja compreendido de
maneira mais abrangente. Atualmente no Brasil, foram identificadas dez espécies de plantas
daninhas que apresentam resistência ao glyphosate, sendo cinco da família Poaceae
(monocotiledôneas – gramíneas), quatro da Asteraceae (eudicotiledôneas) e uma da
Euphorbiaceae (eudicotiledôneas). Assim, este livro fornece assuntos essenciais e
atualizados de informações referentes às características gerais do glyphosate e das dez
plantas daninhas [Lolium perenne ssp. multiflorum (azevém), Conyza bonariensis, Conyza
canadensis, Conyza sumatrensis (buvas), Digitaria insularis (capim-amargoso), Chloris elata
(capim-branco), Amaranthus palmeri (caruru-palmeri), Eleusine indica (capim-pé-de-
galinha), Amaranthus hybridus (caruru-roxo) e Euphorbia heterophylla (leiteiro)] resistentes
ao herbicida (biologia, mecanismos de resistência e métodos de manejo), e é destinado para
professores, pesquisadores, extensionistas, estudantes de graduação e pós-graduação,
produtores rurais e demais profissionais envolvidos na área da ciência das plantas daninhas.