Psicologia, coaching, fronteiras: Reflexões impertinentes

Dias
Horas
Minutos
Segundos

R$17,00R$51,00

Abordo o campo do coaching como uma arena que demanda diálogo sobre ética. Por um lado, os valores praticados nas culturas de algumas organizações em que nossos coachees atuam e, por outro, a qualificação dos coaches, no intuito de contribuir para esclarecer um público confuso, diante do nebuloso mercado de uma profissão não regulamentada.

Limpar

  • Editora: Brazil Publishing
  • Idioma: Português
  • Ano: 2020
  • Tamanho: 16x23 cm
  • Páginas: 300
  • ISBN: 978-65-5861-122-6
  • eISBN: 978-65-5861-121-9
  • DOI: 10.31012/978-65-5861-121-9

Autor(es):

Organizador(es):

Descrição

O argumento central deste livro é que a psicologia, com sua preocupação em definir o objeto de estudo e trabalho, enriquece o instrumental de atuação de um coach, por permitir um maior aprofundamento no processo, sem perder de vista um contrato com sessões pré-definidas. Além disso, abordo o campo do coaching como uma arena que demanda diálogo sobre ética e valores, em duas direções: a cultura das organizações e sua influência sobre os coachees, que demanda do coach um profundo entendimento sobre cultura organizacional e um posicionamento ético. Por outro lado, alguns profissionais “vendem ilusões” a um público confuso diante do nebuloso mercado de uma profissão não regulamentada. Cenário que convida coaches conscientes a exporem o alcance e os limites do Coaching Profissional, por meio de suas condutas éticas, mas também em publicações como esta.